quinta-feira, 14 de abril de 2011

Tradição e comida: uma combinação perfeita.

                                                                             Arquivo
Com a mistura da tradição indígena e portuguesa, eis que surge a paçoca.


Neste período que antecede a Páscoa, a tradição do Vale do Paraíba é a paçoca. Pode ser com ou sem banana, pura como quiser. O fato mesmo é que esta tradição carrega uma parte da história do antigo Brasil Colônia, preservada até hoje.
A paçoca é uma aglutinação de costumes na qual há relatos de que o hábito de misturar a farinha de mandioca a outros ingredientes era comum entre os índios, tal como sementes, raízes entre outros temperos.
Com a chegada dos portugueses e a catequização dos índios, o hábito de não comer carne na Quaresma ( período entre o Carnaval e a Páscoa), fez com que a mesma fosse abandonada nessa época do ano , dando espaço ao amendoim para complementar a alimentação.
Mas como preparar uma paçoca com gosto de antigamente? O preparo envolve basicamente a torra do amendoim e a separação da casca, depois socar no pilão com muita paciência e energia até que ele solte o óleo, peneirar e voltar a amassar e por fim acrescentar farinha de mandioca, açúcar e uma pitada de sal.
Mas fique atento a balança, pois 30g de paçoca tem em média 114 calorias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário